Mundo Higeia

Bem Vindo a este Mundo!

quinta-feira, 14 de junho de 2012

Somos Seres Espirituais. Mas…quando estamos na matéria perdemos essa noção. Porquê?

imagem copiada net

Acredito que se possa contar pelos dedos, as pessoas que tiveram sempre presente a noção de serem espirituais.
Todos nós perdemos esta identidade.

Ao descermos ou ao encarnarmos na terceira dimensão, a dimensão material, os nossos corpos subtis e com mais vibração não vão encarnando todos, por isso nós esquecemos de tudo.
Nós trazemos o que precisamos para estas “férias”, trazemos aquilo que precisamos para encarnar.

Como grande parte da sociedade se identifica com a matéria ou seja que o ser humano é somente o corpo, tudo o que é ensinado a buscar é o bem-estar e a satisfação deste, que é necessário para que outros corpos subtis se acoplem, mas não é suficiente.
 Por isso continuamos insatisfeitos.
Mas…durante a vida, e com as dificuldades desta, e com a insatisfação interna, vamos aos poucos nos interrogar: quem sou eu?
Penso que esta pergunta abre a porta que dá acesso a todo o resto.
Não sei se chegamos lá nesta vida…mas é um começo.

Desde de bem pequena, que me pergunto: quem sou eu? 
A busca começou bem na infância, no fim da adolescência fui adepta de uma religião, até me batizei, mas a resposta não vinha, e a voz dentro de mim dizia: “não é por aqui o teu caminho”, e acredito que não era.
Ficou como uma boa experiencia, o Universo sabe nos guiar, por vezes temos de ir, provar, para termos a certeza que não é assim, caso contrario ficaria a duvida.

Hoje, vivo no tempo de saber que Sou Espiritual, que estou aqui de ferias, que não sou o meu corpo, nem nada do que vejo, nem nada do que tenho, talvez até pouco do que penso, sou aquilo que está por trás, mas isso que está por trás, provalvelmente é pouco do que sou.
Não sei se entenderam?... nem eu ás vezes entendo.

Mas…a busca continua.
Já aprendi que a busca é interna, porque nós temos tudo, naõ precisamos de mais nada. Então porque buscamos? 
Para mim um sinonimo de busca interior é recordar, esta palavra é mais adequada. 
Nós precisamos de recordar, recordar quem somos.
 Melhor, o que viemos cá fazer?
Tudo o que encontramos cá fora, e gostamos, gostamos porque nos identificamos com aquilo, no fundo, aquilo já faz parte de nós. Aquilo não é novo, não estamos aprender, só a relembrar.

Toda a função do Ensinamento Espiritual é fazer-nos recordar quem Somos…


Sem comentários:

Enviar um comentário