Mundo Higeia

Bem Vindo a este Mundo!

terça-feira, 28 de junho de 2011

Pequeno-Almoço – que Penso eu sobre ele?

Alguns anos atrás, fui fazer um curso em Vila de Rei, mas dormi em Nisa (Alentejo). De manhã visitamos o mercado, e fizemos algumas compras, para depois dirigirmo-nos ao café e tomarmos o habitual pequeno-almoço. Qual foi o espanto do grupo, quando o Representante da Naturopatia em Portugal, Dr. Manuel Branco, que estava junto, não foi connosco, mas sim num chafariz lavar 1 Kg de figos e os degustou ali mesmo, dizendo que aquilo é que era um bom pequeno-almoço.
Eu bebi um café e uma sandes de fiambre, e as restantes três pessoas também assim o fizeram.
Agora pergunto, quem se alimentou, quem se nutriu melhor?

Andei a bisbilhotar, a olhar as pessoas no café, a perguntar à minha filha sobre os colegas. Fiz uma investigação. E cheguei à conclusão do que são os Pequenos-almoços dos Portugueses:
 - Pão com queijo, fiambre ou doce
 - Galão com torrada
 - Leite
- Iogurtes
- Cereais
- Café
- Fritos, como rissóis, etc.
- Refrigerantes
- Bolos pastelaria
- Folhados doces e salgados.
- lista continua dentro disto.

A aurora, o nascer do dia, trás uma energia yang, de expansão, de crescimento. Seguindo a dialéctica que existe no “Mundo das formas”, perante uma energia yang (a manhã), devíamos de consumir alimentos de energia yin, como o são as FRUTAS.
Após o “obrigatório jejum”, onde o corpo teve num trabalho de limpeza e reparação, (sim, porque em quanto nós dormimos, nossos órgãos trabalham), não acham que devíamos de colocar para dentro algo de fácil digestão e que não fosse refinado, alterado, melhorado, algo com tantos adjectivos para simplesmente provar o afastamento que tem da Natureza?


Que penso eu, de um bom pequeno-almoço?
Que devia ser uma refeição à base de fruta.
Chega?
Claro. É o que come um gorila, e veja como ele é forte.
Come a quantidade que achar necessária.
A fruta, que para mim é um dos alimentos do Homem, não é uma sobremesa, ela é uma refeição.
Sendo a fruta, o alimento mais solar, e na realidade, quando nos alimentamos estamos a ir buscar essa luz solar, então a fruta deve encabeçar os alimentos, e principalmente ser a Rainha da Manhã.
É muito importante, e talvez urgente, que percebamos, o quão a fruta é necessária, o quanto as nossas crianças precisam dela, para haver uma melhoria dos sintomas “…ites”.
Temos que passar ás gerações futuras, que os iogurtes, doces e companhia, não nascem nas arvores, não alimentam as nossas células, mas a fruta sim… vamos pensar nisso?
Vamos pôr maçãs nas mãos das crianças?

Sem comentários:

Enviar um comentário