Mundo Higeia

Bem Vindo a este Mundo!

terça-feira, 28 de dezembro de 2010

A saúde - como objectivo.

Desde de sempre que me lembro dos meus monólogos interiores. Não consigo viver, sem perguntar os porquês? Quando, no meu 10º Ano de escolaridade, tive a disciplina de filosofia e a professora fez as famosas perguntas, “De onde viemos?” “quem somos?” “para onde vamos?”, fiquei maravilhada, afinal havia mais gente que se perguntava.
E fui crescendo. E fui aprendendo. E fui pensando.

Em cada canto se ouve falar de doença. É avó que morreu porque tinha…, o amigo está de cama porque adoeceu com…, o outro sofre de asma…, a doença que mais mata é o cancro…, e eu que tinha tido otites de repetição…, meu pai morreu de enfarte cardiaco..., a mãe tem artroses...,etc.

Pus-me a pensar… Afinal o que é a doença? Porque adoecemos?
Comprei tudo o que era livros, que dessem uma explicação.
Comecei pelas chamadas Medicinas Complementares, li sobre Homeopatia, Naturopatia, Plantas e seus efeitos medicinais. Sobre curas, algumas delas contadas na primeira pessoa.
A minha sede de perceber mais, aumentou. Então fiz um curso de 5 anos de Medicina Tradicional Chinesa (refiro-me ao tempo, porque já encontrei pessoas que fizeram uns cursos de fins de semana e se intitulam Acupunctores), fiz Homeopatia (3 anos), Naturopatia Fitoterapica (3 anos); e muitos seminários dos mais diversos assuntos.
Comprei muitos livros de Medicina convencional, para perceber a parte médica, para poder ler exames, para poder ajudar algumas pessoas.

Será que cheguei a alguma conclusão?
A verdade absoluta sobre qualquer assunto, é uma ilusão. Não existe.
Cada um de nós aproxima-se de uma realidade, chama-a de verdade, mas ela somente espelha o seu EU. O que quero dizer, é que tudo aquilo que eu chamo de as minhas verdades, pode não ser as dos outros.
Cheguei a algumas conclusões. Concordo com algumas abordagens, com outras nem tanto.

Para quê esta conversa toda?
Para explicar o futuro conteúdo do meu blogue, que vai ser, um transbordar dos meus conhecimentos.
Quero falar de doença, mas muito mais de saúde.
Quero falar de alimentação, mas muito mais de nutrição.
Vou falar de doença, mas nunca esquecendo o doente.
Vou tentar ser o mais simples possível, ajudar quem precisar.

1 comentário:

  1. Olá minha querida!

    Que óptima ideia, começar um novo ano a ajudar quem precisa não poderia ser mais auspicioso e gratificante.

    Concordo que as verdades são muito relativas, nada pode ser absoluto se somos todos tão diferentes, também por que praticamos hábitos diferentes e tudo o mais.

    Acredito sim que uma boa alimentação é o real alicerce para uma vida saudável e feliz. Mas e os alimentos que consumimos, são te todo para confiar? Hummmm...sou muito céptica neste tópico e acredito mesmo que alimentos saudáveis só aqueles que plantamos no nosso quintal :)

    Vou aguardar então pelo novo blog, será um sucesso :)

    Beijinho grande.

    ResponderEliminar